Como funciona o visto para investidor nos EUA?

O sonho americano ainda é uma realidade para muitos empreendedores e investidores ao redor do mundo. Uma das formas mais eficazes de se estabelecer nos Estados Unidos é através do visto de investidor.

Esse visto não apenas abre as portas para oportunidades de negócios no maior mercado do mundo, mas também oferece a chance de viver e trabalhar legalmente no país.

Neste artigo, vamos mostrar os benefícios do visto de investidor para os EUA e os requisitos necessários para obtê-lo.

Tipos de Visto de Investidor

Existem dois tipos principais de vistos de investidor para os EUA: o visto EB-5 e o visto E-2.

  1. Visto EB-5: Este visto é destinado a investidores que fazem um investimento substancial em um novo empreendimento comercial nos Estados Unidos. O investimento mínimo necessário é de $1,8 milhão, ou $900 mil se o investimento for em uma área de emprego-alvo (TEA). Além disso, o empreendimento deve criar ou preservar pelo menos 10 empregos em tempo integral para trabalhadores qualificados nos EUA.
  2. Visto E-2: Este visto é para cidadãos de países com os quais os Estados Unidos mantêm um tratado de comércio e navegação. O visto E-2 requer um investimento substancial em uma empresa operacional nos EUA, mas não especifica um valor mínimo, embora o investimento geralmente deva ser superior a $100 mil. Ao contrário do visto EB-5, o E-2 não leva diretamente ao green card, mas permite que o investidor viva e trabalhe nos EUA enquanto a empresa estiver operando.

Benefícios do Visto de Investidor

  1. Residência Legal: Um dos maiores benefícios do visto de investidor é a possibilidade de obter a residência legal nos Estados Unidos. O visto EB-5, em particular, oferece um caminho direto para o green card, permitindo que o investidor e sua família vivam permanentemente nos EUA.
  2. Oportunidades de Negócios: Estar nos Estados Unidos abre um vasto leque de oportunidades de negócios. O mercado americano é um dos mais dinâmicos e diversificados do mundo, oferecendo grandes chances de crescimento e expansão para empreendedores.
  3. Educação e Saúde: Com o visto de investidor, os filhos do investidor podem ter acesso a um sistema educacional de alta qualidade, incluindo escolas públicas e universidades renomadas. Além disso, a família pode usufruir de um sistema de saúde avançado.
  4. Facilidade de Viagem: O visto de investidor permite múltiplas entradas nos Estados Unidos, facilitando a movimentação entre o país de origem e os EUA. Isso é especialmente útil para investidores que precisam viajar frequentemente por razões de negócios.

Saiba mais: o que levar na entrevista do visto americano? 

Requisitos para Obter o Visto de Investidor

Para o Visto EB-5:
  1. Investimento: O investidor deve fazer um investimento mínimo de $1,8 milhão, ou $900 mil em uma TEA.
  2. Novo Empreendimento Comercial: O investimento deve ser em um novo empreendimento comercial, que pode ser uma criação de negócio ou uma reestruturação substancial de um existente.
  3. Criação de Empregos: O empreendimento deve criar ou preservar pelo menos 10 empregos em tempo integral para trabalhadores qualificados dos EUA.
  4. Fonte de Fundos: O investidor deve comprovar que os fundos utilizados para o investimento foram adquiridos legalmente.
Para o Visto E-2:
  1. Tratado de Comércio: O investidor deve ser cidadão de um país com o qual os EUA mantêm um tratado de comércio e navegação.
  2. Investimento Substancial: O investimento deve ser substancial, embora não haja um valor mínimo especificado. Geralmente, o valor deve ser suficiente para garantir a operação bem-sucedida da empresa.
  3. Empresa Operacional: O investimento deve ser em uma empresa operacional e não apenas em uma empresa de “papel”.
  4. Controle dos Fundos: O investidor deve ter controle dos fundos e a maioria dos riscos financeiros.
  5. Empregos: Embora não haja uma exigência específica de criação de empregos, o investimento deve contribuir para a economia dos EUA.

Processo de Aplicação

  1. Escolha do Tipo de Visto: Decida qual visto de investidor é mais adequado para a sua situação.
  2. Preparação da Documentação: Reúna toda a documentação necessária, incluindo comprovantes de investimento, planos de negócios e evidências da origem legal dos fundos.
  3. Aplicação: Preencha os formulários de aplicação específicos para o visto escolhido (por exemplo, o formulário I-526 para o EB-5).
  4. Entrevista no Consulado: Após a aprovação preliminar, você será chamado para uma entrevista no consulado americano.
  5. Aprovação e Entrada nos EUA: Uma vez aprovado, você poderá entrar nos Estados Unidos e começar seu empreendimento.

Conclusão

O visto de investidor para os EUA oferece uma excelente oportunidade para empreendedores que desejam expandir seus negócios e viver legalmente nos Estados Unidos.

Com benefícios significativos como residência legal, oportunidades de negócios, acesso a educação de qualidade e facilidade de viagem, esse visto é uma opção atraente para muitos.

No entanto, o processo pode ser complexo e requer um planejamento cuidadoso e uma preparação minuciosa. Com as informações e requisitos claros, você estará bem encaminhado para transformar o sonho americano em realidade.

Você gostaria de mais informações sobre como tirar um visto para os EUA? Conte com o suporte da equipe da Schultz Vistos Consulares clicando aqui!

Comentários

Deixe um comentário!